SOBRE O FIM DOS PEDÁGIOS NAS ESTRADAS, RESTA SABER SE JÁ TÁ TUDO PLANEJADO OU FOI APENAS ARROUBO

08 de Março de 2019 | 12:14hs

Na “live” de ontem do presidente Bolsonaro, foram anunciadas duas medidas para agradar gregos e troianos.

O presidente fez a “live” para justificar a frase infeliz de que democracia depende dos militares, mas acabou fazendo anúncios para agradar a galera da arquibancada.

Ao anunciar o fim dos pardais eletrônicos nas estradas, fiquei sem saber a base legal pra tudo isso. E se a coisa toda já estava combinada com a área técnica ou o presidente estava ali anunciando nas “coxas” medidas futuras.

Os pardais funcionam sob jurisdição e concessões municipal, estadual e federal. O presidente vai proibir todas? Ele pode fazer isso? Através de qual ato?

Sobre a ampliação das validades das CNHs de 5 anos para 10 anos, faltou dizer quando e como.

Vamos aguardar para ver como vais e concretizar tudo isso.

No afã de agradar à torcida, o presidente jogou pra arquibancada, falta saber se gol será validado.

Comentários

Sem comentários. Seja o primeiro.

SOBRE O FIM DOS PEDÁGIOS NAS ESTRADAS, RESTA SABER SE JÁ TÁ TUDO PLANEJADO OU FOI APENAS ARROUBO

08 de Março de 2019 | 12:14hs
Imagem [0]

Na “live” de ontem do presidente Bolsonaro, foram anunciadas duas medidas para agradar gregos e troianos.

O presidente fez a “live” para justificar a frase infeliz de que democracia depende dos militares, mas acabou fazendo anúncios para agradar a galera da arquibancada.

Ao anunciar o fim dos pardais eletrônicos nas estradas, fiquei sem saber a base legal pra tudo isso. E se a coisa toda já estava combinada com a área técnica ou o presidente estava ali anunciando nas “coxas” medidas futuras.

Os pardais funcionam sob jurisdição e concessões municipal, estadual e federal. O presidente vai proibir todas? Ele pode fazer isso? Através de qual ato?

Sobre a ampliação das validades das CNHs de 5 anos para 10 anos, faltou dizer quando e como.

Vamos aguardar para ver como vais e concretizar tudo isso.

No afã de agradar à torcida, o presidente jogou pra arquibancada, falta saber se gol será validado.

Comentários


Sem comentários. Seja o primeiro.

Sou jornalista há 28 anos, advogado e professor de História. Não sei se sou competente, mas sei que sou responsável com minhas tarefas.

netoqueiroz@uol.com.br